top of page

E Deus falou com Moisés

Baruch Shalom HaLevi Ashlag (Rabash)/Articles 

E Deus falou com Moisés/ Rabash 924

                      VaEra, Janeiro 1955


“E Deus falou com Moisés e lhe disse: ‘Eu sou o Senhor’.”

Devemos entender o que essa declaração significa para nós. Ela parece se referir à pergunta de Moisés que foi feita no final da porção Shemot [Êxodo 5:23], onde está escrito: “Desde que fui ao Faraó para falar em Teu nome, ele tem feito mal a este povo, e Tu não salvaste o Teu povo”.

A pergunta de Moisés foi que, quando ele lhes disse que tinham que trabalhar Lishmá [por causa dela], todos pensaram que seu trabalho seria mais intenso e com maior força, mas a verdade foi o contrário - eles enfraqueceram no trabalho.

Como resultado, eles clamaram a Moisés: “O que você fez de bom para nós quando prometeu que sairíamos do exílio no Egito, ou seja, que nossa mente estava no exílio e que, pela maneira que você está nos dando, para trabalhar Lishmá, seríamos libertados da escravidão do corpo, chamada ‘Faraó’? Na verdade, não temos nenhuma motivação! Portanto, nossa mente é que não podemos receber sua sublime meta.”

A isso veio a resposta: “E Deus falou com Moisés”. Deus é a natureza. No que diz respeito à natureza, você está correto ao dizer que não tem combustível para continuar seu trabalho. “E disse-lhe: ‘Eu sou o Senhor’.” O Criador é a qualidade da misericórdia e, por Sua misericórdia, eles podem estender forças e combustível acima da natureza e acima da razão, e sobre isso eles não podem mais argumentar, porque todos os argumentos que uma pessoa pode apresentar estão apenas onde a razão os afirma. Mas acima da razão, tudo pode acontecer, exceto que devemos aumentar a fé de que o Criador pode ajudar acima da natureza.

De fato, é impossível receber algo acima da natureza antes de decidir que isso não pode acontecer dentro da natureza. Somente depois que a pessoa se desespera com a natureza é que ela pode pedir ajuda de cima, para receber ajuda acima da natureza.


Posts recentes

Ver tudo

Carta Nº 1

Yehuda Leib HaLevi Ashlag (Baal HaSulam)/ Cartas Carta Nº1 2 de maio de 1922, Jerusalém Para meu amigo... Agora, ao meio-dia, recebi sua carta datada do dia oito do primeiro mês, e suas palavras sobre

827. A piedade fez a ocultação

827. A piedade fez a ocultação Deveríamos perguntar sobre as palavras: “Toda a terra está cheia de Sua glória”. Além disso, está escrito no Zohar: “Não há lugar vago para você”. O que isso significa?

Comments


bottom of page